Competências

As Indústrias Nucleares do Brasil exercem, em nome da União, o monopólio do urânio no País; a empresa atua na cadeia produtiva do urânio: da mineração à fabricação do combustível que gera energia elétrica nas usinas nucleares.

Vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, a INB tem sua sede na cidade do Rio de Janeiro e está presente nos estados da Bahia, Ceará, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Criada em 1988, a INB sucedeu a Nuclebrás e, em 1994, tornou-se uma única empresa ao incorporar suas controladas - Nuclebrás Enriquecimento Isotópico S.A. (Nuclei); Urânio do Brasil S.A. e Nuclemon Mínero-Química Ltda, absorvendo suas atividades e atribuições.

Missão

Fornecer produtos e serviços associados ao ciclo do combustível nuclear, destinados à geração de energia elétrica, com segurança, qualidade e sustentabilidade.

Visão

Ser uma empresa reconhecida internacionalmente como fornecedora no mercado de urânio, com excelência na gestão empresarial, em busca da autossuficiência.

Valores

  • Ética
  • Cultura de Segurança
  • Eficiência
  • Qualidade
  • Sustentabilidade
  • Comprometimento e reconhecimento


Descrição das atividades:

A empresa atua na produção do combustível nuclear, desenvolvendo as seguintes atividades:
Prospecção e pesquisa - Consiste na procura de depósitos de minerais de urânio e em estudos detalhados para definir o modelo geológico, as reservas lavráveis e o método a ser utilizado na mineração.

Lavra e beneficiamento - Consiste na extração da rocha que contém urânio, e na separação dos demais componentes dessa rocha, processo do qual resulta o concentrado de urânio, ou yellowcake. As atividades são realizadas na Unidade da INB em Caetité (BA).

Enriquecimento de urânio - Consiste no aumento da concentração do isótopo U235, que é o responsável pela geração de energia. A unidade de enriquecimento está em fase de implantação e utiliza um composto gasoso de urânio (hexafluoreto) em ultracentrígugas. As atividades são realizadas em Resende (RJ).

Produção de Pó e Pastilhas - Consiste na transformação do gás de urânio enriquecido em pó. É com esse pó de urânio que se fabricam pequenas pastilhas, que vão compor o elemento combustível nuclear. As atividades são realizadas na Fábrica de Combustível Nuclear, em Resende (RJ).

Montagem dos elementos combustíveis - Consiste na produção do combustível nuclear, que é formado por um conjunto de varetas, contendo pastilhas de urânio. As varetas são organizadas numa estrutura metálica – o elemento combustível - que vai gerar energia quando colocado no reator das usinas nucleares. As atividades são realizadas na Fábrica de Combustível Nuclear, em Resende (RJ).

A INB desenvolve outras atividades na área mineral nas seguintes unidades:

  • Unidade Santa Quitéria - Está em fase de licenciamento a implantação da mineração da jazida de Itataia,empreendimento que será desenvolvido em parceria com a iniciativa privada. A unidade está situada no município de Santa Quitéria (CE). 
  • Unidade de Minerais Pesados (UMP) - Prospecção, lavra, beneficiamento e comercialização dos seguintes minerais: monazita, ilmetina, zirconita e rutilo. As atividades são desenvolvidas em Buena, município de São Francisco de Itabapoana (RJ).
  • Unidade de Tratamento de Minérios (UTM) - Descomissionamento do Complexo Mínero-Industrial do Planalto de Poços de Caldas, onde funcionou a primeira unidade de mineração e beneficiamento de urânio. As atividades são desenvolvidas no município de Caldas (MG).
  • USIN - Guarda e controle de resíduos de materiais radioativos de baixa atividade, oriundo do descomissionamento da Usina Santo Amaro, onde eram beneficiados os minerais da UMP. A unidade está situada na cidade de São Paulo (SP).