A exploração da mina de urânio pode provocar o aumento do número de casos de cânceres em Caetité?

Uma pesquisa realizada por especialistas da FIOTEC, instituição que faz parte da FIOCRUZ, levantou o número de mortes por câncer nos municípios que estão próximos à mina (Caetité e Lagoa Real) e comparou-os com os de outros municípios da Bahia, onde não há mineração de urânio. O estudo, que analisou os dados no período entre os anos de 1990 - antes da implantação da INB Caetité - e 2005, constatou o seguinte: “Não foi observada, até o momento, alteração no perfil de mortalidade por câncer na população de Caetité e Lagoa Real, nem maior probabilidade de se adquirir câncer nesses municípios, seja por conta da radioatividade natural do local, seja por conta das atividades de extração e beneficiamento de urânio”.


Data da última atualização: 15/07/2016 09:35:44

COMPARTILHE NAS MÍDIAS SOCIAIS:

Perguntas Relacionadas

...